domingo, 8 de outubro de 2017

Primeiras Impressões – Kekkai Sensen & Beyond

Voltamos ao mundo maluco do Nightow, só que dessa vez, voltamos cientes do que esperar e surpresos pelo potencial que há para explorar
Continuando nossa aventura pelos animês da temporada, vamos falar hoje sobre aquele animê que – quando foi anunciado – eu fiquei extremamente feliz, mais porque eu gosto de coisas malucas e com essa pegada que ele oferece do que por qualquer outro motivo que seja; porém admito que sei os problemas das expectativas altas, por isso as contive, mesmo amando a obra.
Então, sem mais delongas vamos falar da continuação de Kekkai Sensen (ou Blood Blockade Battlefront, como é conhecido internacionalmente – e como saiu por aqui na versão em mangá que a JBC publicou inteira); vamos falar sobre Kekkai Sensen & Beyond! Venham comigo no trem da maluquice!

Sinopse (Via anime Vision):

Segunda temporada. Uma ruptura entre Terra e Submundo foi aberta sobre a cidade de Nova York, prendendo os habitantes da cidade e também as criaturas de outras dimensões em uma bolha impenetrável. Eles vivem juntos por anos, em um mundo de crimes e loucura. Mas agora alguém ameaça romper essa bolha, e um grupo de super-humanos cheio de estilo e força vai trabalhar duro para que isso não aconteça.

Considerações Gerais:

Entrando direto no ponto: foram dois anos de espera. Dois anos até termos uma confirmação de segunda temporada e a estreia efetiva dela (ambas coisas ocorreram nesse ano, se não me engano) e, sinceramente, posso dizer que essa espera foi bem recompensada; indo além, foi uma espera que ajudou bastante no hype por quem já conhecia a maluquice que era aquele universo da season 1. Claro que, vale entrar no mérito que o roteiro do animê é parcialmente original – tem muitos momentos que estão no mangá original, mas a adição dos irmãos (Willian e Mary Macabeth) ocasionou um plot totalmente original com um final que deixava gancho para continuação.
Sei que muitos já sabem, mas é válido mencionar que É UMA CONTINUAÇÃO, logo é 100% indicado para quem JÁ CONHECE a 1ª temporada. Se você ainda não assistiu, assista para não ficar mais perdido que cego em tiroteio ou achar que é algo feito sem sentido, em especial pela última cena antes do episódio acabar (quem viu sabe do que estou falando).
Mas falando do episódio, ele começa já nos dando enfoque em umas das personagens que aparecem no final da season 1 – e, para mim, foi a cena que mais deixou indícios de uma continuação. Toda sequência, pós essa primeira (que é onde ouvimos a narração off do Leonardo) nos puxa de volta para aquela maluquice gostosa que é Hellsalem’s Lot, nos deixando com a sensação de que a vida segue como sempre pela cidade.
Dá para dizer que esse primeiro episódio, de certa forma, é até isolado do que virá a seguir – salvo algumas exceções. Porque tudo nele é descompromissado e divertido, sendo extremamente fechado em si próprio. Ele possui um começo, meio e fim; sendo que nisso ele se encarrega de divertir, mostrar todos os personagens que já conhecemos e ainda nos deixar a par de como o Leo já está menos surpreso com tudo aquilo que ocorre na cidade, mas ainda assim sendo o mesmo personagem “normal” da equipe.
Fora a questão de roteiro, dá para dizer que todos os outros aspectos se mantém iguais na primeira temporada. O Bones segue fazendo uma animação excelente e que dá gosto de seguir assistindo; é algo vibrante e muito bem feito. Já nos aspectos musicais, podemos dizer que segue tão harmonizado quanto na season 1. Espero seguir com essa mesma qualidade apresentada nesse primeiro momento.

Vale a Pena?

Se você já conhece a série and já assistiu a primeira temporada... vá na fé e se divirta em dobro. Tudo continua na mesma vibe do que já foi mostrado anteriormente, com um aquele feeling de que iremos ter um roteiro com ainda mais situações que só a Libra pode resolver. Fora isso, para os caça piolhos de plantão, tem um easter egg envolvendo Trigun nesse primeiro episódio. É algo bem simples, mas quando eu vi não pude deixar de sorrir pela aparição.

Agora, se você ainda não conhece a série – nem pela 1ª temporada e nem pelo mangá -... é, aí é questão de você assistir e ver o que acha, mas aconselho a assistir a 1ª temporada antes de qualquer coisa, até para se inteirar melhor desse universo (em especial porque acredito que teremos algumas referências ao enredo do anime); porém assista – qualquer uma das temporadas – pronto para todo tipo de situação non sense que só um mundo habitado por humanos e criaturas variadas pode te oferecer.
Postar um comentário

Follow by Email