domingo, 8 de outubro de 2017

Primeiras Impressões – Mahoutsukai no Yome

Aquela grata surpresa que enche o coração de bons feels e consegue fazer um up nas expectativas
E dando seguimento as “primeiras impressões” vamos falar de uma obra que, particularmente, eu guardava minha expectativa receosa. Antes que alguém pergunte, eu guardava essa expectativa justamente por causa dos fãs da série que já a taxavam como a melhor obra desse ano.
Ok, entendo eles, mas isso me dá receio e eu estava assim com essa obra, mas – felizmente, a vida foi bondosa e tivemos algo interessante, então me acompanhem nessa resenha sobre MahouTsukai no Yome (ou The Ancient Magus' Bride, como é o título da obra internacionalmente).

Sinopse:

Chise Hatori viveu uma vida repleta de maus tratos e abusos, negada de todo tipo de amor. Longe do acalanto da família, ela passou por uma boa dose de problemas e obstáculos. Mas quando tudo parecia perdido, um encontro fatídico a esperava. Um homem com cabeça de fera, dotado de poderes mágicos, a compra em um leilão de escravos, e a vida de Chise nunca mais será a mesma.Esse homem é um Magus, um feiticeiro de grande poder, que decide libertar Chise de seu cativeiro e faz uma corajosa afirmação: Chise se tornará sua aprendiz... e sua noiva!

Considerações Gerais:

Bem, vamos lá. Creio que dá para começar falando que, sim, todas as expectativas e hype são reais; indo além, é algo que realmente significa algo e nos dá aquele momento mágico. São 24 minutos que passam em um piscar de olhos e nem notamos quando acaba, de tão gostoso que é acompanhar esse primeiro episódio. Tudo ali é bem encaixado para que você tenha interesse nos personagens, na história e até no que virá adiante.
Podemos dizer que o roteiro tem uma estrutura, nesse primeiro episódio, que consegue amarrar bem as perguntas que começam com quem está assistindo e segue episódio adentro, porém não nos entrega tudo, mas apenas o essencial. É preciso que o espectador sinta a química entre o Elias e a Chise e isso é bem passado para narrativa, temos dois personagens que, futuramente, serão um casal e precisam nos ser apresentados de um modo que nos faça achar isso crível. Felizmente isso é bem feito, toda lição que a Chise aprende aqui nos é palpável e bem estruturada dentro do que é pedido nesses minutos.
Falando agora do aspecto técnico, devo já elogiar o wit studio, porque tudo aqui é lindo e bem trabalhado. A palheta de cores escolhida é maravilhosa. Torna tudo mais vívido e atraente, não é algo destoante e sim algo simbiôntico; nos dá uma sensação calorosa e receptiva e nos ajuda na imersão desse mundo mágico que começamos a conhecer. Além disso, a qualidade de animação é visivelmente inspirada e bem-feita. É algo que dá para sentir que foi feita de coração e com vontade de entregar o melhor, no mais é algo que te dá um deleite a mais dentro de toda concepção feita com carinho.
Já a parte sonora é um show à parte, desde a dublagem até a ost é cativante e traz um clima confortável e caloroso. É algo que merece ser ouvido várias vezes – admito que quero a OST desse animê para ontem, só para ficar ouvindo enquanto deito para descansar e pensar na vida.
Quanto a história, bem eu já disse lá em cima muito sobre, então só complemento que o final te deixa curioso com o que virá a seguir, assim como te deixa querendo ver o quanto a relação entre os dois irá evoluir.
(Creio que a única coisa que posso “dizer” que não curti muito foram a opening e a ending theme, porque achei ambas bem ok. Mas dentro de tantas coisas que curti, não são essas duas coisinhas que irão tirar toda positividade do clima).

Vale a pena?

COM CERTEZA! Se você ainda não assistiu corre para assistir já! Acabou de ler isso, só vá e abrace, em especial para aproveitar que tem Ovas da série também. Afinal, essa é uma daquelas obras que valem o tempo gasto e até pedem mais e mais tempo. É gostoso ver as interações e até conhecer um pouco mais sobre o mundo mágico.

Enfim, corram para assistir e agarrar o hype train dessa série super legal (que já tem o mangá licenciado por essas bandas).
Postar um comentário

Follow by Email